Posso dar osso para cachorro? | Blog Lojas Colombo
Seu Pet

Posso dar osso para o meu cachorro?

posso dar osso para o meu cachorro

Que cãozinhos não recusam um osso todo mundo sabe, os tutores até utilizam como petisco para recompensa-los, e se deixar, o animalzinho passa horas e horas roendo. O motivo pelo qual o cachorro gosta tanto de osso está associado ao seu instinto de caçador e ao fato de que antes de serem domesticados, viviam da caça. Na natureza, eram obrigados a roer os ossos da presa abatidas como forma de repor a quantidade necessária de gordura para sobreviver. Mas Afinal, pode dar osso para o cachorro?

Osso para cachorro faz mal?

osso-para-cachorro-faz-mal.jpg

Embora benéficos para a saúde do animal, por contribuírem com a higienização dos dentes, apoio ao sistema digestivo, diminuição do estresse, estímulo do instinto canino e no fornecimento de fósforo, cálcio e outros minerais essenciais para o bem-estar do pet. E de auxiliar no desenvolvimento a musculatura da mandíbula. No entanto, não é indicado dar osso para cachorro, nem mesmo restos de comida. Isso porque alguns ossos, como o de frango, por exemplo, podem ser perigosos ao cão. Por terem a estrutura comprometida pelo processo de cozimento, o osso pode despedaçar e ocasionar em lesões internas e machucar a gengiva do pet. 

Que osso pode dar para Cachorro?

Os ossos para cachorro roer mais indicados são os produzidos especificamente para cachorros. Podendo ser usado como petisco, existe uma enorme variedade de opções no mercado. Há os de Nylon, sintéticos, naturais, entre outros, para cães de todas as idades, porte e raça. Além disso, contam com poucas calorias e combinada com uma dieta equilibrada, não prejudica a saúde nutricional do pet. Na Colombo Casa Pet você encontra o osso que melhor entretêm e satisfaz seu amigão de quatro patas.

Quando oferecer osso para o cachorro?

O recomendável é que se espere até que o cão tenha dentição completa, mais ou menos a partir dos quatro meses, para que não haja risco de quebrar os dentes de leite do filhote. Portanto, uma opção é adquirir ossos específicos para filhote, a partir desse período, por serem mais macios e que não prejudicam os dentes nem a saúdo do pet.

Para os cachorros adultos, que já possuem a dentição e musculatura um pouco mais enfraquecida, os ossos sintéticos de textura mais macias ou outros tipos específicos para a idade do cão são os mais indicados. 

Qual melhor osso para cachorro?

qual-melhor-osso-para-cachorro.jpg

Atualmente existem dois tipos: os sintéticos e naturais. Enquanto os ossos para cachorros naturais são de origem bovina e não passam pelo processo de aquecimento, podendo ser processados ou não. Já os sintéticos são compostos por couro bovino tratado e passam pelo processo de processamento. Além de serem modelado, alguns dos ossos de nó para cachorro se enquadra nessa categoria. 

Os ossos naturais processados, como o osso defumado para cachorro, são os preferidos pela maioria dos tutores. Isto porque possuem fácil conservação e maior durabilidade, além de serem vendidos prontos para o consumo, em contrapartida aos não-processados.

Lembre-se de conciliar os ossinhos para cachorro com uma dieta equilibrada saudável, o importante é não exagerar nem comprometer os hábitos alimentares do pet. Além de sempre supervisionar o pet durante o uso, pois independente do petisco, ainda há risco dele se machucar ou engasgar com os pedaços que se soltam enquanto ele morde. 

Agora que você já sabe se pode dar osso para o cachorro e qual a melhor opção, encontre o agrado perfeito para o seu cão em uma unidade da Colombo Pet ou compre através do site da Lojas Colombo em nosso departamento de Pets, temos tudo para o bem-estar do seu animalzinho. Confira!